Blog do Xico Malta

A esperança da “Remontada”

Posted in Do Malta by xicopati on 30/04/2013

É preciso um verdadeiro milagre futebolístico para que a final da Liga dos Campeões seja um clássico espanhol. Depois das semifinais 100% germânicas, a Bundesliga saiu vencedora. Borussia Dortmund e Bayern de Munique estão com um pé na final da mais prestigiosa competição europeia. No entanto, na história das diferentes copas da Europa, os dois principais clubes espanhóis conseguiram incríveis “remontadas” (viradas).

Real Madrid-Derby County, oitavas de final, 5 novembro 1975

Derrotado por 4 a 1 na casa do Derby County, graças ao Hat trick de Charlie George, os jogadores do Real Madrid tinham uma missão quase impossível no jogo de volta no Santiago Bernabeu. A “Casa Blanca” foi o palco de uma virada histórica sob o comando de Roberto Martinez que abriu o placar depois de dois minutos de jogo. O mesmo atacante merengue fez o segundo gol no início do segundo tempo. Santillana um pouco depois marcou o terceiro gol madrileno. Charlie George quase tirou as esperanças do Real ao marcar o gol do time inglês. Pirri salvou a pátria merengue e levou o jogo para a prorrogação. Santillana foi o grande herói do tempo complementar ao marcar dois gols e selar a vitória espanhola por 5 a 1. O Real seria mais tarde eliminado pelo Bayern de Munique, futuro campeão da competição diante do francês Saint-Etienne.

Real Madrid-Anderlecht, oitavas de final Copa da UEFA, 12 dezembro 1984

No jogo de volta, em Bruxelas, o Real Madrid perdeu por 3 x 0 no estádio Constant Vanden Stock para o time belga. No entanto, os anos 80 foram a época da famosa “Quinta del buitre”. Em casa, a máquina espanhola foi implacável: 6 x 1, graças aos gols de Sanchis, Butragueno e Valdano contra apenas um de Frimann. Mais adiante, o Real Madrid ganharia a Copa da UEFA daquela temporada.

 

Real Madrid-Borussia Monchengladbach, oitavas de final, 11 dezembro 1985

No jogo de ida das oitavas de final da Copa da UEFA, os blancos levaram uma surra na Alemanha. Uma derrota por 5 a 1 diante de um Borussia que deixou poucas esperanças aos espanhóis para o jogo de volta. Porém, graças aos gols de Valdano e Santanilla, os madrilenos vencem por 4 a 0, mas com um gol marcado fora de casa, a classificação foi consumada para as quartas de final. Naquele ano, o gigante merengue venceu pela segunda vez seguida a Copa da UEFA, primeiro time a ser bicampeão deste torneio, só o Sevilha realizaria tal feito em 2006 e 2007.

Barcelona-Chelsea, quartas de final da Champions, 18 abril 2000, 5-1

No início dos anos 2000, Chelsea tinha três franceses campeões do mundo em seu elenco (Marcel Desailly, Didier Deschamps et Franck Lebœuf), mas ainda estava longe de ser um grande esquadrão montado por Abramovich. Mesma coisa para o Barça, que já tinha em seu elenco Puyol e Xavi, mas com um elenco longe de ser igual ao atual esquadrão. Pelas quartas de final, no jogo de ida, os Blues levaram boa vantagem ao vencer por 3 a 1 graças aos gols de Zola e dois de Flo. Figo marcou o gol de honra dos espanhóis. No jogo de volta, no Camp Nou, o Barça reverteu a desvantagem sob o comando de Rivaldo (autor de dois gols). Uma vitória por 5 a 1 em casa permitiu aos Blaugranas de continuar na competição até a derrota na semifinal diante do Valencia.

 

Barcelona-Milan, oitava de final da Champions, 12 março 2013, 4-0

A grande equipe do Barça levou um susto ao perder em San Siro para o decadente Milan nas oitavas de final por 2 a 0. No jogo de volta, o Barça atropelou o Milan. Messi marcou dois gols, antes de seus colegas David Villa e Jordi Alba selar a vitória.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s