Blog do Xico Malta

Suspeita de corrupção na Copa de 2010

Posted in Do Malta by xicopati on 07/08/2012

Não é somente o futebol italiano que vive de denúncias de corrupção.

Chris Eaton, ex-responsavel da segurança da FIFA, afirmou ontem no canal britânico Channel 4 News que uma investigação está sendo efetuada para averiguar uma suspeita de corrupção no jogo da fase de grupos durante a Copa do Mundo de 2010 entre a Nigéria e Grécia. A desconfiança está baseada na expulsão do nigeriano Sani Kaita aos 33’ por causa de uma agressão gratuita no seu adversário. No instante da agressão,  a Nigéria vencia o jogo por 1 a 0. O jogo terminou 2 a 1 para a Grécia vencendo de virada. As duas seleções não se classificaram para as oitavas de final, eliminadas pela Argentina e Coreia do Sul.

 

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Cristian said, on 14/08/2012 at 16:18

    Resultado arranjado acontece no mundo inteiro e em geral as autoridades de segurança e alguns cartolas costuma estar de olho, em maior ou menor grau. O que parece não acontecer aqui no Brasil. Ninguém fala e outros até reprovam qdo se toca no assunto, especialmente qdo se refere a possíveis desvios éticos de árbitros. Sempre colocam a culpa na má formação dos árbitros (que parece ser o caso muitas vezes), mas é impossível em um país tão corrupto esse ser somente o único motivo de arbitragens ruins e erros tão grosseiros. Popularmente sempre se desconfiou em arranjo de resultados realizados por cartolas, mas ninguém pode deixar de lado o poder que apostadores particulares tem nos dias de hoje


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s